Pneus que salvam vidas: como e porque os pneus fazem a diferença

Os pneus são os pontos de contato entre o carro e a estrada. Esse simples fato, por mais insignificante que possa parecer, deveria bastar por si só para deixar claro como eles são vitais. Nenhum chassi de fibra de carbono, acabamento ultrassofisticado ou sistema de frenagem extremamente eficaz é de grande valia sem pneus com eficiência perfeita – ou, melhor ainda, com desempenho perfeito.

Pense na perda de rendimento que um carro de Fórmula 1® sofre à medida que os pneus vão deteriorando. Mas o tempo de uma volta não é tudo. Passando para a direção cotidiana, pneus eficientes significam segurança. Eles representam a diferença entre esquivar-se de um perigo ou se envolver em uma batida com consequências possivelmente bastante graves. São muitos os aspectos dinâmicos do carro afetados pelos pneus. Primeiro, a aderência: um pneu de alta qualidade (e não uma versão barata importada de um país qualquer) garantirá uma aderência à estrada inatingível por outros pneus que não contam com milhões de quilômetros e Euros investidos em Pesquisa e Desenvolvimento por trás de seu processo de industrialização.

Em suma, a manipulação do pneu pode significar fazer uma curva com a linha certa ou sofrer uma perda trágica de aderência com consequências que quase sempre dependem do Destino naquele instante. Aí, não dá para frear: as distâncias dependem enormemente da aderência à estrada oferecida pelos pneus. Mais uma vez, com um pneu de alta qualidade você conseguirá parar antes do que com um pneu de qualidade inferior. Para desenvolver o assunto, as condições do pneu são tão importantes quanto sua qualidade intrínseca. Um pneu de alta qualidade com a banda de rodagem desgastada não é capaz de garantir a mesma segurança que oferecia quando novo.

Esse é o caso especificamente na aquaplanagem, pois uma banda de rodagem desgastada não pode garantir o deslocamento correto da água. Depois, tem a questão da pressão correta: um aspecto muitas vezes negligenciado, mas que influencia muito na aderência à estrada, na reação em manobras de emergência e na eficiência da frenagem (além do consumo de combustível). Por fim, todos os pneus devem estar em condições de operar na melhor maneira possível.

 

Fonte: Pirelli.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s